Desculpe o transtorno, mas a festa foi adiada!

     Foi a segunda vez que a festa estava armada. Mas a história se repetiu, os penetras estragaram tudo.

     O evento esportivo da noite começou errado. Fluminense e América-RN fizeram a preliminar. Em um jogo em que os times pareciam disputar quem era o pior só serviu de motivos para a torcida tricolor pedir a cabeça do técnico Joel. Aos 10 minutos do segundo o time de Natal fez 1×0 com o gol de Rodrigo Paulista. Depois do gol a equipe continuou pressionando, mas sem objetividade alguma. O time tricolor até tentou uma reação, porém não conseguiu levar perigo a equipe adversária devido ao grande número de passes errados. A tarefa do Fluminense ficou mais fácil, quando o jogador do América recebeu o cartão vermelho ,mas mesmo com um homem a equipe carioca não levou perigo.

      Mesmo com a derrota por 1×0 o time tricolor se classificou para a próxima fase. Mas para a torcida a derrota foi mais um vexame. Já se falam no nome de Leão pro lugar de Joel, mas muitas mudanças seriam feitas para o ex-técnico do Corinthians acertar com o Flu.

     No jogo principal da noite tudo foi feito pro milésimo gol sair; transferiram o jogo para o Maracanã; acertaram um horário para a televisão; o adversário foi um time “fraco”; o famoso “Lemão” e a Siri estavam presentes; mas o time jogou mal e nenhuma oportunidade foi criada pra Romário marcar, assim nada aconteceria. Duas semanas atrás o goleiro Juninho do Gama pensou que tivesse se livrado do problema do milésimo gol.

     No jogo de ida (Gama 2×2 Vasco), o Baixinho jogou pouco tempo e só teve uma oportunidade de gol, e acertou o travessão. Após a partida o goleiro declarou que se sentiu feliz ao se livrar da confusão. Ele, e todo mundo, pensava que Romário marcaria o milésimo gol nos jogos que faltava. Mas o improvável aconteceu e na quarta lá estava Romário x Juninho. O jogo já começou errado, quando no 1º minuto Rodrigo Ninja chutou de muito longe e Cássio levou aqueles frangos memoráveis. A torcida do Vasco não se calou, gritou o nome do goleiro em sinal de apoio. O time reagiu e com 10 minutos de jogo Morais deu um belo chute de fora da área e Juninho fez uma grande defesa. Cinco minutos mais tarde o empate veio. Após cobrança de falta de Rubens Junior, Renato marcou de cabeça.

      Com o resultado o time da Colina se classificaria para a próxima etapa. Após o gol de empate o jogo continuou truncado no meio-campo, e o milésimo poderia ter saído se Roberto Lopes tocasse para Romário ao invés de concluir pra gol. Na conclusão o zagueiro Dênis tirou o que seria o gol da virada. Romário seguia quieto. No primeiro toque na bola deixou Morais livre com o goleiro, mais uma vez Juninho salvou o Gama. O atacante vascaíno teve duas oportunidades de gol. Após escanteio a bola sobrou e ele tentou de cobertura pra mais uma boa defesa do anti-herói da noite. Na segunda o Baixinho recebeu da entrada da área e chutou, a bola bateu na zaga.  Enquanto isso Neto Potiguar era o único jogador que levava algum perigo para a defesa vascaína.Acabou o primeiro tempo e a angustia aumentava.

     Todos os jornalistas e torcedores que acompanhavam o ataque vascaíno mudaram de lado para continuar atrás do milésimo. Mais uma vez eles foram enganados.

     O segundo tempo foi chato. Nada acontecia. Todas as bolas que iam pro ataque do Vasco eram cruzamentos e nenhum chute perigoso foi dado para o gol. O ataque da equipe de Brasília também não era muito melhor. Só em uma cabeçada que Cássio salvou.

     Mas o castigo estava preparado. Em mais um chute de fora da área, dessa vez de falta com Marcelo Uberaba, o Gama faz o 2º e cala os mais de 30 mil torcedores que estavam no estádio. Estragando mais festa de Romário.

     No final da partida o autor do gol da vitória deu umas declarações desnecessárias. Dizendo que o Vasco havia armado uma festa, chamado o time do Gama de timinho, e mais essas frases plantas por técnicos para “incentivar” a equipe. Na verdade hora nenhuma o Vasco preparou festa, e sim Romário. Por isso jogadores de time pequeno perdem a cabeça na hora da decisão. Se entendesse que o jogador do milésimo deve fazer uma festa e acho que deveriam de certa forma colaborar, por causa da história dele.

Copa Libertadores

     O Flamengo venceu o Maracaibo por 2×1 e garantiu a liderança do grupo na Taça Libertadores da América. Pelo regulamento da competição os times de melhores campanhas pegam times com piores campanhas na próxima fase. Pelos atuais resultados, quem pode se classificar com um os piores pontos é River e Boca. Ai os jogos de oitavas se torna verdadeira final de campeonato. Portanto é bom se classificar em primeiro e torcer, pra não encarar esses “ratos” de Libertadores.

     Quem também venceu ontem foi o São Paulo 3×0 sobre o Necaxa. A equipe paulista está em 2º lugar empatado com o Audax Italiano do Chile (isso mesmo). O time da capital não tem chances de ter as primeiras campanhas. Já o Santos briga diretamente com o Flamengo. A equipe do litoral jogou contra o Defensor e venceu por 2×0 no Uruguai e manteve a liderança geral.

     Copa do Brasil

     Neste exato momento o Ipatinga venceu o Palmeiras na disputa dos pênaltis. No tempo normal o Palmeiras devolveu o 2×0 do primeiro jogo em Minas. Nos pênaltis o goleiro do Ipatinga, Rodrigo Posso, defendeu i 2º pênalti da equipe paulista, batido por William. Pra compensar o bandeira mandou voltar o último pênalti do Ipatinga, defendido por Diego Cavalliere.  No final, Amaral bateu pelo Palmeiras e perdeu. Luciano Sorriso foi lá e botou o time mineiro nas oitavas de final. Ipatinga 3×2. Agora enfrenta o Sport, única equipe invicta do Brasil. Se o Palmeiras não se classificar para as finais do Paulista, o que pode acontecer, terá crise. Com risco de Caio Junior balançar no cargo.

     O Cruzeiro também se classificou ao vencer a Portuguesa (2×1). O Náutico e o Figueirense também estão na próxima fase, com goleadas de 5×0 e 4×1 sobre Paysandu e Noroeste, respectivamente.

     O Atlético-PR venceu o Vitória-BA por 3×0 e se classificou. No jogo em Salvador a equipe Baiana venceu por 4×1.

Até agora são esses os resultados

Texto mais ou menos corrido. Mas foi.

E a saga para o gol mil continua!

   Até a eliminação do Vasco nas semifinais do Carioca, se os torcedores pé quente do milésimo continuarem atrás do Baixinho, isso será fato consumado.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: